Dry Martini: Aprenda como fazer esse clássico!

Taça com o drink Dry Martini com azeitonas decorando

Aprenda conosco da GinBrasil como preparar o delicioso Dry Martini sem nenhuma dificuldade!

Esse coquetel pode ser considerado o clássico dos clássicos. O Dry Martini é feito com gin London Dry e Vermouth branco seco, drink preferido do agente secreto britânico James Bond. Os ingredientes são preparados em um recipiente e servidos em uma taça coquetel de 150 ml.

Esse recipiente, na verdade, é um copo de vidro grande que recebe o nome de Mixing Glass. Caso não tenha esse acessório em casa, uma jarra ou coqueteleira podem ser utilizadas junto com uma colher bailarina para mexer.

Para preparar o Dry Martini, você vai precisar também de:

  • Um pouco de gelo;
  • Casca de limão;
  • Azeitona verde, como parte da decoração.

Ingredientes para o Dry Martini

  • 60 ml de gin seco;
  • 10 ml de Vermouth branco seco;
  • Cubos de gelo;
  • Azeitona verde ou cascas de limão cortado em tiras.

Dry Martini: Modo de preparo

Coloque no Mixing Glass o gelo juntamente com o gin e Vermouth. Mexa rapidamente os ingredientes com a colher bailarina de cabo longo e passe a bebida por um coador antes de despejar na taça já previamente gelada. Torça a casca do limão sobre o drink e solte a azeitona em um palito dentro da taça coquetel.

A receita tradicional recomenda ainda usar a marca francesa de Vermouth Noilly Prat, mas existem inúmeras variações nas proporções dos ingredientes e no modo de fazer. James Bond, um dos maiores apreciadores da bebida, pede que seu Martini seja batido na coqueteleira ao invés de mexido.

Essa versão torna o drink um pouco mais fraco, já que alguns pedaços do gelo ficam bem fragmentados quando sacudidos e são capazes de passar pela coagem. Isso pode ser explicado pelas várias transformações que o Dry Martini passou até chegar na sua configuração atual.

História do Dry Martini

Origem do Martini

Ninguém sabe ao certo suas origens, mas a primeira versão pode ter sido criada nos anos 1880, pelo escritor Harry Johnson’s. O livro Manual de Bartenders incluía a receita com:

  • Gin;
  • Vermouth;
  • Licor;
  • Bitter;
  • Xarope de goma;
  • Gelo;
  • Azeitona;
  • Casca de limão.

Tudo mexido com uma colher.

Transformação do Martini 

Outra receita, do americano Jerry Thomas, teria sido feita a pedido de um cliente que se preparava para viajar até a cidade de Martinez, na Califórnia. Nela, o bartender misturou:

  • Bitter;
  • Vinho;
  • Duas gotas de Marraquino;
  • Gin antigo;
  • Uma fatia de limão.

O detalhe é que o drink passou a ser chamado de Martinez e agitado em uma coqueteleira, ao invés de mexido com colher.

Terceira Mudança do Martini

A terceira transformação já é mais próxima do Dry Martini como conhecemos hoje. No final do século 19, Thomas Stuart fez o drink com gin, Vermouth e Bitter de laranja. A partir de 1900, recebeu o nome de Dry Martini ou apenas Martini.

Martini de Atualmente

A última grande mudança ocorreu nos anos 1950. Ian Fleming, o criador de James Bond, acrescentou à receita tradicional a vodka e essa versão recebeu o nome de Vesper Martini. Toda essa história explica por que o Dry Martini é uma das bebidas mais famosas do mundo e considerado o “Rei dos Coquetéis”.

Agora você pode fazer o seu Dry Martini em casa para receber os amigos e convidados. Pode praticar a receita e ser o barman da festa. Pode se deliciar do jeito que quiser com um dos coquetéis mais famosos, o clássico Dry Martini! Confira o site da Gin Brasil para começar a fazer seus drinks!

Artigos relacionados

Gin Hendricks: uma história de sucesso

Gin Hendricks: uma história de sucesso

O Gin Hendriks é uma bebida que tem ganhado cada vez mais fãs ao redor do mundo, e no Brasil esta história não é diferente, tanto por sua alta qualidade na hora de ser fabricado, quanto por seu sabor e sua inovação. E é para explicar como ele conquistou tantos adeptos...

Gin com pimenta rosa: saiba tudo sobre essa combinação

Gin com pimenta rosa: saiba tudo sobre essa combinação

Que o Gin é a bebida do verão você já sabe, não é mesmo? Hoje nós vamos falar de uma combinação um tanto exótica e muito saborosa que vem encantando a todos: o Gin com pimenta-rosa. A pimenta -rosa tem ficado muito conhecida na gastronomia mundial por conta de suas...

Como fazer gin tônica de pitaya

Como fazer gin tônica de pitaya

O Gin é uma bebida que vem crescendo e agradando cada vez mais o paladar dos brasileiros. Sendo muito versátil, ele é ideal para diversas ocasiões, tais como: festas, churrascos, beber na praia ou à beira da piscina. Por ser muito refrescante, ele normalmente é...

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *